advertorial

ACADEMIAS LIBERADAS!
Em busca de uma melhor qualidade de vida ou até mesmo do corpo ideal, essa é a notícia que todos esperavam. 
Mas até que ponto isso é seguro no atual momento? 

Por Carina Cabral – sexta-feira, 25 de setembro, 2020

Estabelecimentos estão autorizados a retomar atividades em planos regionais de flexibilização, mas a prática requer extrema cautela dos frequentadores. Será que é realmente seguro?

Com a flexibilização para assegurar a saúde em diversas regiões e municípios de todo o Brasil, as academias de ginástica voltaram a funcionar, mas em esquema diferenciado — com lotação reduzida (em média 1/3 do que era permitido em tempos normais), desinfecção de ambientes e distanciamento de pelo menos 2 metros entre os praticantes. Agendamento prévio para as práticas, uso de máscara e horários reduzidos também foram adotados.

As medidas são efetivas para diminuir o risco das contaminações, mas não dão total segurança de que uma pessoa não será contaminada caso decida realizar treinos nesse tipo de estabelecimentos. Além disso, só devem ser cogitadas quando a situação estiver controlada, longe de lotação de leitos hospitalares e crescimento desenfreado de casos e mortes. É o que explica o presidente da Sociedade de Infectologia do Estado do Espírito Santo, Alexandre Rodrigues da Silva. “Ainda que esses ambientes sejam controlados e higienizados, há o risco de que as pessoas naquele local não tomem as precauções necessárias em suas vidas particulares e possam estar infectadas com o vírus, ou acabe se infectando no trajeto até lá”, diz.

Exercitar-se fora de casa pode ser uma opção mais viável para a prática de exercícios físicos mas, é importante dizer, tampouco livre de riscos. “Em uma fila de ciclistas, caso um espirre, outro que passe ao lado ou um terceiro que esteja logo atrás podem aspirar essas gotículas e há risco de contaminação”, aponta o infectologista. Em ambientes internos ou externos, a melhor medida de precaução é realizar atividades individuais e longe de aglomerações.

Ou seja, o que vale ainda é o velho ditado ‘’Melhor prevenir, do que remediar’’. Foi pensando nisso, que a Inovante Online trouxe para o Brasil uma tendência do  mercado  internacional que auxilia na prática de exercícios em ambientes domiciliares, fechados ou privados.

Além de tudo isso, por conta dos custos com os protocolos de segurança muitas academias aumentaram, ou até mesmo duplicaram, o valor das suas mensalidades. 

Pensando em tudo isso, a assessoria do portal Saúde Em Dia testou e aprovou o aparelho BodyGym que pode te ajudar a manter seus exercícios em dia e tonificar os músculos sem precisar buscar uma academia de ginástica e correr riscos.

Conseguimos um Desconto de até 40% para nossos leitores, aproveite clicando no botão abaixo:

GARANTIR DESCONTO